Jorge Buery

O jornalista Jorge Buery guarda boas recordações da época que atuava como zagueiro na equipe Butantã, de Jardim da Penha, em Vitória.

Ele e seus companheiros disputavam animadas peladas na escolinha de futebol do Sesi, quando resolveram inscrever uma equipe na Copa A Gazetinha, em 1977. A camisa da equipe, lembra Buery, tinha as mesmas cores (vermelho e branco) e era listrada como a do Atlético de Madri, da Espanha.

O time chegou até as quartas-de-final, mas esbarrou em outras equipes mais experientes e acabou desclassificado.

Jorge Buery foi convidado para ingressar no Vitória Futebol Clube. Mas, com muitos compromissos escolares, o jornalista não pôde aceitar o convite e deu por encerrada a sua carreira no futebol.

“O Vitória treinava à noite na praia e aos sábados à tarde. Exatamente nos dias e horários que eu fazia cursinho. Tive que optar por continuar os estudos”, disse Buery.

Pois é, o futebol capixaba pode ter perdido um craque de bola. Mas, em compensação, ganhou um competente jornalista esportivo, considerado titular da equipe da comunicação capixaba.

Start a Conversation

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *