Vinicius Junior é o craque do Mundial de Clubes

Real-Madrid-bate-Al-Hilal-e-e-campeao-mundial-mais.jpg

O brasileiro foi o grande nome do Mundial de clubes. O time do Real Madrid conquistou o título de campeão e se deve a conquista à brilhante atuação de Vinicius Junior. Eleito nome do jogo nas duas partidas de sua equipe, o brasileiro de 22 anos recebeu o troféu de craque da competição.

O garoto de São Gonçalo tem evitado conceder entrevistas, após ter sido alvo recente de atos racistas na Espanha, Mas, com seu sorriso fácil, vem construindo mais uma temporada altamente produtiva. No calendário 2022/23 do futebol, já acumula 16 gols e sete assistências em 33 partidas.

No Mundial, o atacante marcou três vezes, ficando em segundo na artilharia. O goleador do torneio foi Pedro, do Flamengo, com quatro gols.

 

Real Madrid bate Al Hilal e é campeão mundial

O Mundial de Clubes é novamente do Real Madrid. A equipe espanhola chegou ao título da edição 2022 do torneio – atrasado por causa da Copa do Mundo no final do ano passado – com uma vitória por 5 a 3 sobre o Al Hilal, no estádio Príncipe Moulay Abdellah, em Rabat.

A formação saudita, responsável pela eliminação do Flamengo nas semifinais, não foi páreo para o campeão europeu. Até teve bons momentos e chegou à rede com Marega e Vietto (2), porém acabou sucumbindo diante de um adversário poderoso, que triunfou com gols de Vinicius Junior (2), Valverde (2) e Benzema.

Foi a quinta conquista da equipe espanhola nas últimas nove edições da competição. Ninguém ganhou tanto o torneio organizado pela Fifa desde 2000 –de forma ininterrupta, desde 2005. Contabilizadas também as glórias intercontinentais, são oito troféus que ajudam a explicar por que a agremiação é largamente considerada a maior do mundo do futebol.

Em Marrocos, o Real alcançou o título fazendo nove gols em dois jogos. Nas semifinais, com maiores dificuldades: sofreu pressão e só chegou ao 4 a 1 sobre o Al Ahly, do Egito, marcando duas vezes nos acréscimos. Na decisão, a superioridade ficou bem clara na maior parte do jogo, exceção feita a momentos de displicência defensiva.

A equipe dirigida pelo italiano Carlo Ancelotti –cotado para assumir a seleção brasileira no meio do ano– chegou ao Mundial após um período de dificuldades na Europa. Seu último jogo antes do embarque à África foi uma derrota por 1 a 0 para o Mallorca, pelo Campeonato Espanhol, resultado que animou os flamenguistas mais otimistas.

Mas o Flamengo foi derrotado nas semifinais e não teve nem a chance de encarar o gigante na final, na noite de sábado (11). Coube ao Al Hilal a tentativa de derrubá-lo. Algo que, perceberam Paris Saint-Germain, Chelsea, Manchester City e Liverpool na última Champions League, é uma tarefa muito difícil.

Não demorou para que os favoritos abrissem o placar, aos 13 minutos, com a combinação letal Benzema/Vinicius Junior. Após tabela com Kroos, o francês serviu o brasileiro, que saiu na cara do gol. Aos 18, após cruzamento de Modric e corte parcial do goleiro Al-Mayouf, Valverde aproveitou o rebote.

Na marcação, houve dificuldades. Aos 26, em uma saída rápida dos campeões asiáticos, Marega se viu na frente do gol para diminuir. O Al Hilal chegou a se animar, especialmente nos minutos derradeiros da primeira etapa, porém teve seu ímpeto esfriado com a produção do adversário na volta do intervalo.

Aos nove minutos, a combinação Vinicius Junior/Benzema funcionou de novo. Desta vez, foi o brasileiro o garçom, em bonito passe de trivela. Pouco depois, aos 13, Valverde tabelou com Carvajal e chegou à rede, desenhando uma goleada, porém os sauditas insistiram em buscar o ataque.

Vietto diminuiu, aos 18, recebendo passe preciso de Saud. Vinicius Junior marcou de novo aos 24, completando jogada com Ceballos. De novo, o Al Hilal foi à frente. Michael aproveitou erro de Camavinga e deixou Vietto em boa posição na pequena área, aos 34. O 5 a 3 teria virado 5 a 4 se Marega não tivesse falhado em seguida, com o gol quase aberto.

Falhou, como falharam vários adversários diante de um rival de camisa poderosa. O Real Madrid é campeão do mundo de novo.

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *